Espaço “You Got Mail” [Arquivo]

Arquivo, 2010

Por António Jorge

O mês de novembro começou e termina definitivamente em alta.

A prestigiada e lendária Count Basie Orquestra, que nas décadas de cinquenta e sessenta gravou três álbuns com Frank  Sinatra,  aceitou o desafio de Carlos do Carmo para que, juntos recriassem algum do fabuloso repertório  popularizado por “The Voice”.A mágica noite aconteceu no passado dia 10 de novembro em Lisboa e diz quem lá esteve: que foi um daqueles espectáculos que se assiste uma vez na vida. Está de parabéns Carlos do Carmo, nosso “A Voz”.

Também com razões para celebrar está Rui Veloso que vinte anos depois vê reeditado “ Mingus & os Samurais “, um dos mais marcantes álbuns da sua carreira e sem dúvida um dos mais influentes da música portuguesa dos últimos 30 anos. Na versão 2010, remasterizada, ”Mingus…” traz um filme de um concerto no Coliseu de Lisboa em 1990. O apagar das velas fez-se com quatro noites nos Coliseus nacionais com Rui Veloso e os Samurais originais, a recriarem o platinado duplo álbum em palco.

Chama-se “You Make me Real”, versão inglesa de “ Contigo torno-me real”, livro à volta dos míticos The Doors, da autoria do português Rui Pedro Silva e que foi apresentado no passado mês de Novembro, na Universidade da California (UCLA), em Los Angeles. O livro, já premiado em 2008 no Festival  do Livro de Londres é um trabalho extenso e pormenorizado, que conta com participações entre outros,  de Ray Manzareck (teclista e co-fundador da banda), Robby Krieger (guitarrista)e também o baterista  John Densmore. ”You make me Real”, conta ainda com colaborações de Jerry Hoppkins e Danny Sugerman, biógrafos oficias dos Doors e autores do livro “ daqui Ninguém Sai Vivo “.

Rui Pedro Silva apresentou o livro no Royce Hall, local considerado mágico no interior da prestigiada Universidade, porque foi ali que por exemplo, o então jovem estudante de cinema Ray Manzareck apresentou as suas curtas-metragens a um público onde estavam entre outros, Jim Morrison e Francis Ford Coppola. É neste auditório que se pode ler numa placa: aqui os The Doors deram os seus primeiros concertos. “You Make me Real” é para além de um excelente documento, um fantástico exemplo de dedicação do seu autor aos The Doors.Parabéns Rui Pedro!

Duas notas finais: os norte-americanos The Walkmem, que chamaram “Lisbon” ao novo álbum, escreveram no Twitter da banda que o espectáculo no Coliseu de Lisboa, (dia 14 de Novembro, 2010) terá sido com toda a certeza o melhor de sempre e a mais popular Rede-Social do Planeta, o FaceBook chegou ao número 600 milhões de perfis. É caso para dizer – We need To Talk!

Na expectativa – as cordas em vez dos sintetizadores, no novo álbum dos Daft Punk e a nova digressão de Amy Winehouse agendada para janeiro de 2011

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s